na-contramao-dos-outros-estados-industria-mineira-cresceu-no-acumulado-de-2012

Queda na produção industrial foi menos intensa em maio, aponta CNI

Entidade divulgou resultados da sondagem industrial nesta sexta-feira (17).
Levantamento indicou que houve melhora na expectativa dos empresários.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) informou nesta sexta-feira (17), por meio da sondagem industrial, que o índice de evolução da produção ficou em 45,5 pontos em maio. Esse resultado indica queda da produção no mês passado em comparação com abril.

Nessa pesquisa, os indicadores variam de zero a cem. Valores abaixo de 50 pontos indicam queda na comparação com o mês anterior. O recuo, porém, foi menos intenso que a registrado em abril, quando o índice ficou em 42,4 pontos.

O levantamento indicou também que os empresários estão mais otimistas, principalmente em relação à demanda. Esse índice subiu de 47,8 para 51 pontos.

Valores acima de 50 pontos indicam expectativa de aumento para os próximos seis meses.

Também apresentaram melhora a expectativa em relação à quantidade exportada, ao número de empregados e à compra de matérias-primas.

Para a CNI, “a expectativa mais favorável com relação à demanda pode alterar as decisões dos empresários, limitando ou até mesmo impedindo futuras quedas na produção e na quantidade de empregados”.

Segundo a entidade, caso as expectativas otimistas se confirmem nos próximos meses, a tendência é que se traduzam em aumento de produção. Isso porque, com o quadro de estoques ajustados, é possível começar a redução da elevada ociosidade do parque industrial.

Segundo a CNI, o levantamento foi feito entre 1º e 13 de junho com 2.456 empresas, das quais 1.022 são pequenas, 867 são médias e 567 de grande porte.

Fonte: http://g1.globo.com/economia/noticia/2016/06/queda-na-producao-industrial-foi-menos-intensa-em-maio-aponta-cni.html

 

WhatsApp Image 2016-10-05 at 1.03.33 PM
IMG000000000005491